Yellow Tail: a terceira marca de vinhos mais vendida no mundo


Marcela Araujo | CM News |
Em

Yellow Tail: a terceira marca de vinhos mais vendida no mundo
Imagem: Divulgação

Apesar de pouco vendida no Brasil, a Yellow Tail é uma das marcas de vinho que mais faz sucesso nos Estados Unidos. Ela pertence à vinícola australiana Casella Wines e foi lançada em parceria com seu importador americano W. J. Deutsche & Sons em 2001. O objetivo era atingir uma faixa de preço na base da pirâmide dos consumidores do país.

Atualmente, são consumidas em todo o mundo 2,4 milhões de taças de Yellow Tail por dia. O que faz da marca a mais poderosa do mundo há quatro anos consecutivos. O ranking é da Wine Intelligence Global, que mede a opinião de mais de 25 mil consumidores a respeito de 30 marcas globais.

Mas o que fez a marca atingir tamanha repercussão? A Yellow Tail apostou, desde o início, em um rótulo chamativo e descolado, ao contrário da comunicação clássica do mundo dos vinhos. Suas peças publicitárias são divertidas e cativam o público. O foco da empresa é mostrar a todos que não é preciso ser um expert para consumir bons vinhos.

E tem mais. A Yellow Tail foi a primeira marca de vinhos a patrocinar o Super Bowl, um dos maiores eventos esportivos do planeta. São milhões de espectadores em todo o mundo.

É por esses motivos que, somente em 2020, mais de 14 milhões de caixas de Yellow Tail foram distribuídas para comercialização no varejo no planeta. Seus rótulos são encontrados em mais de 60 países, o que faz dela a terceira marca mais vendida em volume.

No Brasil, é a marca australiana de vinhos mais vendida. As vendas da Yellow Tail cresceram 40% em 2021 no país e seus rótulos estão presentes em mais de 5 mil pontos de venda.