Correios investem em terminais de autoatendimento

Ritmo de instalações de lockers ainda é lento no Brasil

Marcela Araujo | CM News |
Em

Correios investem em terminais de autoatendimento
Correios inauguram lockers na central do Brasil

Defensores do projeto de privatização dos Correios acreditam que o mesmo é necessário para que a empresa seja modernizada e que isso só irá acontecer nas mãos da iniciativa privada. No último dia 20, o ministro das Comunicações, Fábio Faria, declarou que a tendência é que outras empresas “abocanhem” o filé dos serviços de logística, que é a entrega de encomendas, deixando para a estatal “apenas o osso” de seus serviços, a entrega de correspondências.

Na tentativa de se modernizar, os Correios passaram a disponibilizar lockers pelo país. O mais atual terminal de autoatendimento foi colocado na região da Avenida Paulista. O terminal possibilita a retirada de encomendas, ao invés do destinatário recebê-las em algum endereço pessoal ou comercial.

A iniciativa não é tão nova assim. A Amazon, por exemplo, já faz uso desta alternativa de entrega de mercadorias há 10 anos. O programa Amazon Locker foi lançado em setembro de 2011 em Nova Iorque, Seattle e Londres.

No Brasil, o lançamento do primeiro terminal de autoatendimento dos Correios foi em outubro de 2020, no Distrito Federal. De lá pra cá, o locker da Paulista é o trigésimo a ser instalado. Apenas os estados de São Paulo e Rio de Janeiro e o Distrito Federal possuem esses terminais de autoatendimento dos correios no país.

Entre os benefícios dos lockers, o principal é o atendimento ao público que não consegue receber suas encomendas, nacionais ou internacionais, durante o dia em casa ou no trabalho. Segundo os Correios, o processo de retirada é rápido e fácil.

Como usar

Para utilizar os terminais de autoatendimento, o cliente deve se cadastrar no “Meu Correios”, pelo site ou aplicativo. No momento da compra ou postagem, é necessário indicar o CEP do locker onde se deseja receber a encomenda e que o CPF seja informado no campo complemento do endereço.

O cliente pode acompanhar a entrega da encomenda pelo aplicativo Correios e, quando ela estiver disponível no locker, um código para retirada será enviado por SMS ou e-mail. O destinatário tem até três dias (72 horas) para retirar o pedido.

Compartilhe :