Lojas de conveniência podem ser novo investimento de rede supermercadista


A BR Distribuidora, da Petrobrás, está em busca de um parceiro de negócios para operar as lojas de conveniência de seus postos de gasolina. Para a missão de encontrá-lo, contratou o banco BR Partners. De acordo com o jornal Valor Econômico, GPA e Carrefour estão entre as empresas que demonstraram interesse.

Segundo a publicação, a lista de interessados é grande e inclui Lojas Americanas, a gestora Advent, que hoje controla o Walmart Brasil, a IMC, dona dos restaurantes Viena e Frango Assado, e até mesmo a rede norte-americana 7Eleven , com larga experiência em lojas de conveniência em seu país de origem.

O caminho mais provável para viabilizar o negócio deve ser a a formação de uma joint venture entre a BR Distribuidora e a empresa escolhida. Está em discussão ainda a possibilidade de abertura de lojas próprias, e não franquias, em sociedade com o novo parceiro.

Em 2015, a BR Distribuidora já havia demonstrado disposição para fechar negócio relacionado a suas lojas de conveniência, mas na época as conversas não avançaram com três empresas que haviam feito propostas. Agora, a contratação da assessoria do banco sinaliza maior possibilidade de um negócio, de fato, ser fechado.

 

Fonte: Agência Brasil

 

Anterior Consumo de energia aumentará mais de 3,5% este ano, diz ONS
Próximo Estimativa de inflação reduz pela 4ª vez consecutiva

Não há comentário

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *