A Comunicação Eficaz e o Sucesso empresarial


Por melhores que sejam os produtos ou serviços de uma empresa, os resultados jamais serão excelentes se não houver uma boa comunicação. Uma boa comunicação não significa apenas fazer campanhas criativas de marketing para os clientes, pois deve começar internamente, entre empresários, gestores e colaborares.

A maioria das empresas não possui uma comunicação interna eficaz, que facilite o entendimento das informações, por parte de todos os envolvidos nos processos, simplesmente por não saberem exatamente o que deve ser comunicado e a melhor forma de se fazer entender.

Diante disto o primeiro ponto importante a ser trabalhado é definir quais são as informações relevantes e qual o meio mais eficiente para repassá-las aos que necessitam de tal conhecimento. Para que essas definições sejam bem específicas e objetivas precisa-se ter um mapeamento de todas as áreas, com seus objetivos e metas, comunicando sobre os resultados que estão sendo alcançados, apontando possíveis causas de problemas e suas soluções, bem como reconhecendo os colaboradores que conseguem alcançar suas metas com excelência.

Existem comunicações que precisam ser feitas diariamente e outras com temporalidades diferentes (semanais, mensais, etc.) e por isso deve-se avaliar a necessidade de cada uma, para evitar também a comunicação que não contribua para melhorar os resultados, gerando muitas vezes, o efeito contrário, por se tornarem cansativas e fazendo com que informações que são realmente importantes se percam.

Com uma comunicação interna mais eficaz, a comunicação externa, com clientes e parceiros, tem potencial para ser muito mais assertiva, evitando, por exemplo, que um cliente ao realizar contato com duas ou mais pessoas da empresa, receba respostas diferentes para o mesmo questionamento, o que gera grande insatisfação.

Conforme explicado anteriormente, verifica-se que com uma avaliação adequada sobre o que, como, quando e para quem comunicar as informações relevantes, podem-se obter resultados que garantam um sucesso muito maior para as empresas.

 

Rodrigo Rocha é Superintendente do Instituto Euvaldo Lodi – Núcleo Regional de Sergipe – IEL/SE
Supervisor do Centro Internacional de Negócios de Sergipe – CIN/SE; Coordenador do Núcleo de Informações Econômicas – NIE ; Federação das Indústrias do Estado de Sergipe – FIES

Anterior Correios terão que pagar indenização por expor carteiros a insegurança
Próximo Artistas sergipanos vão agitar a Feijoada com Amor do GACC

Não há comentário

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *